Notícias
Setor de rochas capixaba busca ampliar exportações
21 de Junho de 2018 . 10h07
Setor de rochas capixaba busca ampliar exportações
Sindirochas marcou presença no evento de Encerramento do 1º Ciclo e Lançamento do 2º Ciclo do Programa de Qualificação para Exportação – Peiex ES, que tem o setor de rochas ornamentais como um dos destaques

Empresários capixabas celebraram no dia 2º de junho o encerramento do primeiro ciclo do Programa de Qualificação para Exportação (Peiex-ES), desenvolvido pelo Secretaria Estadual de Desenvolvimento em parceria com a Apex-Brasil. A indústria teve participação expressiva: dos 146 participantes, 118 são indústrias, com destaque para setores tradicionais da economia, como vestuário (27), rochas ornamentais (20) e alimentos (19).

O presidente do Sindirochas, Tales Machado, a Conselheira, Renata Bedim, participaram do evento realizado no Palácio Anchieta. A solenidade contou com a participação do governador Paulo Hartung e do presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o embaixador Roberto Jaguaribe – que garantiu a realização de um novo ciclo no Estado em breve.

Durante seu pronunciamento, o presidente do Sistema Findes, Léo de Castro pediu uma salva de palmas para o setor de rochas ornamentais capixaba, pela sua forte representatividade no mercado internacional. “O setor de rochas fez uma escolha pela globalização e tem buscado ser mais produtivo, inovador e competitivo, encontrando novos mercados fora do país”, destacou.

O presidente do Sindirochas, Tales Pena Machado, enalteceu a atuação da Apex-Brasil. “Há 20 anos, o setor de rochas era muito cobrado para diminuir o volume de blocos exportados e investir em chapas, trabalhando com produtos de maior valor agregado. A Apex-Brasil foi uma parceira fundamental para iniciarmos esse processo de transformação, ainda em curso na indústria capixaba”, lembrou.

O governador Paulo Hartung ressaltou que a iniciativa é importante para o Espírito Santo, que sofre forte influência econômica das atividades de comércio exterior, e destacou, ainda, que, para o país recuperar a competitividade, é importante realizar reformas estruturantes com mudanças na legislação. “Estamos iniciando um ciclo mais ousado, ampliando o número de empresas e a abrangência. Que esse ciclo seja melhor que o anterior e possibilite ao Espírito Santo ser um bom exemplo produtivo ao país”, disse o governador.

Peiex-ES
O PEIEX-ES oferece às empresas qualificação gratuita, apresentando as melhorias que a organização deve implementar para comercializar produtos e serviços no mercado internacional. Durante a participação no programa, as empresas têm a oportunidade de participar de oficinas e capacitações oferecidas pela Apex-Brasil e pelo Núcleo Regional do programa no Espírito Santo. Elas também podem, eventualmente, participar de feiras internacionais e rodadas de negócios realizadas com apoio da Apex-Brasil.
No primeiro ciclo do PEIEX-ES, foram atendidas 146 empresas de 20 municípios e mais de 15 setores. A maior participação aconteceu na Grande Vitória (103 empresas) e envolveu principalmente os setores de vestuário (27), rochas ornamentais (20), alimentos (19) e TI (17).

Fotos: Sindirochas e Governo ES

SINDIROCHAS


E-mail: sindirochas@sindirochas.com.br
Fone: (28) 3521-6144
Mais Informações